Villas-Boas revela planos para o FC Porto: aumento do Olival e investimento no futebol feminino

  1. André Villas-Boas revelou as suas propostas e linhas orientadoras para a candidatura à presidência do FC Porto.
  2. O candidato pretende criar a equipa sénior feminina de futebol e a secção de futsal.
  3. Villas-Boas propõe a construção de um centro de alto rendimento no Olival, em Gaia.
  4. O plano de arquitetura e os custos serão divulgados na próxima semana.
  5. Villas-Boas mostrou descontentamento com a atual administração do clube, que pretende comprar terrenos na Maia em vez de investir no Olival.

Durante o evento na Alfândega do Porto, Villas-Boas enfatizou a importância de apostar no futebol feminino. O candidato afirmou que o projeto incluirá vários níveis, começando pela conclusão da formação. Além disso, pretende também criar a secção de futsal, começando pela formação dos jovens.

No entanto, uma das principais propostas de Villas-Boas é a construção de um centro de alto rendimento no Olival, em Gaia. Este centro permitirá que a equipa principal, a equipa B, os sub-19 e a equipa feminina sénior tenham as condições ideais para desenvolverem o seu potencial.

O candidato deixou claro que tudo será feito de forma transparente, e divulgou que os detalhes do plano de arquitetura e os custos serão apresentados na próxima semana.

Apesar das suas intenções, Villas-Boas expressou descontentamento com a atual administração do clube, afirmando que eles têm planos para comprar terrenos na Maia, em vez de aproveitar a oportunidade no Olival. Villas-Boas considera que esta decisão é prejudicial para o futuro do clube e mostra a necessidade de uma nova liderança.

Durante o evento, mais de 700 apoiantes estiveram presentes para ouvir o candidato e demonstrar o seu apoio às suas propostas para o FC Porto.

Iván Jaime elogia desempenho do FC Porto na pré-época

  1. Iván Jaime elogia desempenho do FC Porto na pré-época
  2. Vitória do FC Porto por 2-0 frente ao Sturm Graz
  3. Jogador considera que equipa está «apta e pronta para qualquer desafio»
  4. Médio diz não estar preocupado com a falta de golos: «Os golos não me preocupam, vão chegar muitos»