Benfica luta para segurar Gonçalo Ramos apesar dos alvos identificados para a sucessão

  1. Gonçalo Ramos é o principal goleador do Benfica, mas a saída ainda não está garantida

A continuidade de Gonçalo Ramos no plantel do Benfica está em jogo. O jogador marcou 27 golos na época passada e já apontou mais três nesta fase de preparação. O arranque oficial da temporada, com o jogo da Supertaça contra o FC Porto, se aproxima e a saída de Ramos representaria um problema para o treinador Roger Schmidt.

Apesar de já terem sido identificados vários alvos para a sucessão do jogador, substituir Gonçalo Ramos não será uma tarefa fácil e representará um esforço financeiro para o Benfica. Por isso, Schmidt deixou claro que Ramos é um elemento fundamental em sua ideia de jogo e que gostaria de mantê-lo.

No entanto, os valores das ofertas recebidas até agora não correspondem ao que o Benfica espera lucrar com a venda do jogador. Embora Ramos tenha contrato até 2025 e uma cláusula de rescisão de 120 milhões de euros, é provável que ele deixe o clube neste verão.

Além disso, é importante destacar que o jogador despertou interesse de outros clubes europeus, como o Manchester United e o PSG, que parecem estar mais próximos de efetivar uma proposta.

Apesar disso, existe a possibilidade de que Ramos fique no Benfica e tenha seu contrato renovado, com uma melhoria salarial acordada para 2022/2023.

Zahovic regressa às origens para ver o FC Porto

  1. Zahovic representou o FC Porto entre 1996 e 1999
  2. Zahovic afirmou que o FC Porto tem as pessoas certas nos lugares certos e vai continuar a ser um grande clube de sucesso
  3. Zahovic considera o Sporting, Benfica e FC Porto os principais candidatos ao título na próxima época
  4. Zahovic acompanhou o jogo entre Portugal e Eslovénia com o 'coração dividido' por ter jogado 12 anos em Portugal