Fotis Ioannidis em pausa para reavaliação após lesão ao serviço da Grécia

  1. Fotis Ioannidis, avançado de 24 anos, dispensado da seleção da Grécia devido a lesão no ombro direito
  2. Ioannidis questionado sobre futebol e futuro durante período de repouso
  3. Negociações entre Sporting e Panathinaikos em curso há várias semanas
  4. Metade dos direitos de Ioannidis ainda pertencem ao Levadiakos

Fotis Ioannidis, avançado de 24 anos do Panathinaikos, entrou de férias mais cedo após ter sido dispensado, no último fim de semana, dos trabalhos da seleção da Grécia devido a uma lesão no ombro direito.

Mesmo em repouso, Ioannidis foi questionado sobre futebol e o seu futuro, numa altura em que o Sporting mantém negociações com o Panathinaikos para a sua contratação.

Num vídeo partilhado nas redes sociais, Ioannidis surge à mesa com a namorada, a jornalista Εleni Voulgarak, e a cantora Anna Vissi, adepta declarada do Panathinaikos. Vissi aproveitou a ocasião para questionar o internacional grego: «Vais, ou não, ficar no Panathinaikos? Não sei o que fazer com tanta ansiedade!». Ioannidis sorriu e limitou-se a responder: «Estou a suar».

É percetível o movimento muito limitado que Ioannidis tem no seu braço direito, consequência da lesão que sofreu ao serviço da seleção e que o obriga a ter precauções nas próximas duas semanas, antes de voltar a ser reavaliado.

As negociações entre o Sporting e o Panathinaikos já duram há várias semanas, ainda sem fumo branco à vista, até porque há uma outra parte envolvida: Giannis Kompotis, presidente do Levadiakos, clube que em 2020 vendeu Ioannidis ao 'Pana', ainda é dono de metade dos seus direitos.

Hugo Viana recorre para o TAD após suspensão de 17 dias pela FPF

  1. Hugo Viana, diretor de futebol do Sporting, recorreu para o Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) com pedido de providência cautelar
  2. Viana foi suspenso por 17 dias e multado em 612 euros pela FPF
  3. Vítor Baía, ex-vice-presidente do FC Porto, foi suspenso por 8 dias e multado em 510 euros
  4. As sanções foram aplicadas por ameaças e ofensas à honra, consideração ou dignidade