O enguiço austríaco do Sporting em três pesadelos, mais um

  1. O Sporting visitou a Áustria em sete ocasiões, com cinco derrotas e dois empates.
  2. Algumas das derrotas mais marcantes foram contra o Casino Salzburgo, Rapid Viena e LASK Linz.
  3. Rúben Amorim também teve um dia difícil no banco do Sporting em um confronto contra o LASK Linz.

O Sporting tem uma história complicada quando joga na Áustria. Em sete visitas anteriores, o clube saiu derrotado em cinco ocasiões e empatou em duas. Durante esses jogos, o Sporting marcou apenas quatro golos e sofreu 19. Houve, no entanto, alguns momentos positivos que merecem ser mencionados.

Um desses momentos ocorreu na temporada 1969/70, quando o Sporting eliminou o LASK Linz na Taça das Feiras. Após uma vitória por 4-0 em Alvalade, o clube empatou por 2-2 na Áustria. Na temporada 1987/88, o Sporting perdeu por 2-1 contra o Swarovski na primeira mão, mas garantiu a classificação ao vencer por 4-0 em casa. E na temporada 2004/05, o Sporting chegou à final da Taça UEFA, mesmo após um empate sem golos contra o Rapid Viena.

No entanto, existem três derrotas marcantes na história do clube em solo austríaco. A mais recente delas aconteceu com Rúben Amorim como treinador, quando o Sporting perdeu por 4-1 contra o LASK Linz. Amorim descreveu essa partida como um dos dias mais difíceis de sua carreira no clube.

Apesar desses desafios, Amorim está ciente do que esperar nesta visita à Áustria. Ele reconhece a qualidade das equipes austríacas e enfatiza a importância de vencer: 'Se vencermos, será tudo bom: quebramos o enguiço e entramos a vencer.'

A história do enguiço austríaco do Sporting começou em Salzburgo, quando o clube foi eliminado pelo Casino Salzburgo na Taça UEFA. O Sporting havia vencido o primeiro jogo por 2-0 e estava confiante em avançar na competição, mas uma série de erros e persistência austríaca resultaram em uma eliminação chocante. Essa derrota teve repercussões significativas, incluindo a demissão do treinador Bobby Robson e o trágico acidente de carro do jogador Cherbakov.

Dois anos depois, o Sporting enfrentou outro pesadelo austríaco em Viena. Após vencer o Rapid Viena por 2-0 na primeira mão das Taças das Taças, o Sporting parecia estar no controle da eliminatória. No entanto, uma expulsão e dois golos nos minutos finais levaram à reviravolta do Rapid Viena, resultando na eliminação do Sporting.

A última visita do Sporting à Áustria também terminou em decepção. Em 2019, o clube perdeu por 3-0 para o LASK Linz na fase de grupos da Liga Europa. Embora o Sporting já estivesse classificado, a derrota foi um lembrete de que o enguiço austríaco ainda persistia.

Apesar desses contratempos históricos, o Sporting está determinado a quebrar o enguiço nesta visita ao Sturm Graz. A equipe está ciente dos desafios que enfrentará, mas também está confiante em sua capacidade de conquistar uma vitória na Áustria pela primeira vez na história do clube.