Associação Nacional de Delegados de Futebol completa um ano de atividade

  1. A Associação Nacional de Delegados de Futebol (ANDF) completa um ano de atividade
  2. A ANDF foi criada no primeiro mandato de Pedro Proença como presidente da Liga
  3. O objetivo da ANDF é contribuir para a integração e afirmação dos delegados nas competições profissionais e amadoras
  4. A associação desenvolveu o estatuto da carreira do delegado
  5. A ANDF conta atualmente com cerca de 60 sócios
  6. Os delegados são responsáveis por garantir a competente e eficaz articulação entre todas as equipas de acordo com o regulamento
  7. A avaliação dos delegados é realizada pela Liga através de avaliações no terreno, testes escritos e trabalhos
  8. Os delegados desempenham um papel fundamental no bom funcionamento das competições

A Associação Nacional de Delegados de Futebol (ANDF) completou um ano de atividade e o presidente, Paulo Renato, fez um balanço positivo do trabalho realizado até agora. A ANDF foi criada no início do primeiro mandato de Pedro Proença como presidente da Liga, com o objetivo de contribuir para a integração e afirmação dos delegados nas competições profissionais e amadoras, masculinas e femininas. Desde então, a associação tem trabalhado para valorizar a carreira dos delegados, implementando o estatuto de carreira e buscando o reconhecimento como associação de classe.

Durante este primeiro ano, a ANDF desenvolveu o estatuto da carreira do delegado e apresentou os seus objetivos a diversas entidades oficiais, solicitando apoio à sua causa. Além disso, a associação tem procurado aumentar o número de associados, contando atualmente com cerca de 60 sócios. Paulo Renato destaca a importância da colaboração com a Federação Portuguesa de Futebol (FPF), a Liga, o Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ) e as diversas associações distritais e regionais de Futebol.

Os delegados desempenham um papel fundamental no bom funcionamento das competições, sendo responsáveis por garantir a competente e eficaz articulação entre todas as equipas de acordo com o regulamento. Além disso, eles também são responsáveis por facilitar as relações entre os diversos agentes envolvidos, como diretores de campo, diretores de segurança, comandantes das forças de segurança, equipas de arbitragem, entre outros.

Para se tornar delegado, é necessário passar por um processo de formação e avaliação. No futebol profissional, a Liga promove cursos de formação para delegados no final de cada época desportiva. Os candidatos passam por testes, entrevistas e um estágio de um ano, sob acompanhamento da Liga. Já na FPF, a prática é por convite, mas a associação está a trabalhar para que também seja realizado um concurso.

A avaliação dos delegados é realizada pela Liga, através de avaliações no terreno, testes escritos e trabalhos. A participação dos clubes também é considerada na avaliação.

Apesar dos desafios, Paulo Renato destaca que a função de delegado é gratificante: “Um dos papéis do delegados é facilitar a competente e eficaz articulação entre todas as equipas, garantindo as condições exigidas por regulamento para a realização dos jogos. É um trabalho desafiante, mas extremamente importante para o bom funcionamento das competições.”

SC Braga consolida posição como grande clube português

  1. SC Braga é um clube grande do futebol português
  2. Simon Banza foi o melhor marcador do SC Braga na última temporada com 23 golos em 41 jogos
  3. SC Braga tem recebido propostas por Simon Banza mas ainda não houve nenhuma que satisfizesse os interesses do clube e do jogador
  4. Plantel do SC Braga está praticamente fechado com poucos reforços adicionais esperados
  5. Clube apostou em oito contratações, sendo que a maioria tem até 22 anos de idade

Jota Silva desperta interesse do Panathinaikos

  1. Cláusula de rescisão de Jota Silva é de 20 milhões de euros
  2. Valor de mercado de Jota Silva é de 12 milhões de euros
  3. Jota Silva fez 15 golos e 7 assistências em 42 jogos na última época
  4. Jota Silva tem duas internacionalizações por Portugal

Gonçalo Inácio junta-se aos treinos do Sporting em Lagos

  1. Gonçalo Inácio, central de 22 anos, juntou-se ao plantel do Sporting em Lagos
  2. O grupo de trabalho dos leões no Algarve aumenta para 32 jogadores
  3. Rúben Amorim conta com Gonçalo Inácio para preparar a Supertaça frente ao FC Porto
  4. Gonçalo Inácio, formado no Sporting, tem sido uma referência da equipa