Geny Catamo, o herói moçambicano na vitória sobre a Guiné

  1. Geny Catamo cobrou uma grande penalidade decisiva aos 90'+3 para Moçambique vencer a Guiné por 1-0
  2. Moçambique lidera o Grupo G de qualificação para o Mundial 2026, a par da Argélia
  3. O jogo realizou-se em Marrocos devido às más condições dos campos da Guiné Conacri
  4. O Mundial de 2026 será realizado nos EUA, Canadá e México

Golo de grande penalidade nos descontos dá vitória a Moçambique


Geny Catamo foi o herói de Moçambique na vitória por 1-0 sobre a Guiné, em jogo da quarta jornada do Grupo G de qualificação para o Mundial 2026. O extremo do Sporting cobrou, aos 90'+3, uma grande penalidade decisiva que permitiu a Moçambique vencer a Guiné, num jogo realizado em Marrocos.

«O golo de Geny Catamo, marcado de grande penalidade, sendo crucial para garantir a liderança de Moçambique no Grupo G das eliminatórias para o Mundial», escreveu o Twitter oficial da Seleção de Moçambique.

Moçambique lidera Grupo G


Este golo faz de Moçambique líder do grupo G do apuramento para o Mundial 2026, a par da Argélia, que venceu por 2-1 a Uganda. Golos de Aouar, aos 46', e Benrahma, aos 58', anularam o esforço de Mutyaba, que abriu o marcador aos 10'.

No mesmo grupo, o Botswana venceu a Somália por 3-1. Sesinyi, Galaolwe e Seakanyeng marcaram para os vencedores, com Hassan a reduzir à entrada do último quarto de hora.

Jogadores moçambicanos em destaque


Pela equipa moçambicana alinharam a titular, além de Geny Catamo, o médio Guima, do Chaves, e o avançado Witi, do Nacional. Gildo, do Covilhã, e Pepo, do Caldas, entraram. Na Guiné, Morlaye Sylla, médio do Arouca, jogou de início.

Condições adversas na Guiné Conacri


O jogo realizou-se em Marrocos, porque a Guiné Conacri está impedido de acolher partidas em casa, devido às deficientes condições dos seus campos.

O Mundial de 2026 vai realizar-se nos Estados Unidos, Canadá e México, de 11 de junho a 19 de julho.