Sporting de Rúben Amorim apresenta novo argumentário em jogo contra o Genk

  1. Sporting apresenta novo argumentário tático, com Gonçalo Inácio a atuar como defesa e médio, e extremos atrevidos com pé trocado
  2. Francisco Trincão foi o destaque, marcando um golo e desequilibrando a defesa adversária
  3. Rúben Amorim mostra-se aberto a aprender com os melhores treinadores

Na primeira aparição pública, perante milhares de testemunhas, Rúben Amorim mostrou frente ao Genk o que tem preparado no laboratório e novo argumentário surpreendeu. Gonçalo Inácio fez de defesa e de médio, quem sabe uma inspiração em algo que acontece num certo relvado de Manchester. Os alas foram extremos atrevidos e com o pé trocado. Na hora de defender também se registaram alterações. Enfim, como cantava a mítica Mercedes Sosa, tudo muda.

Muita coisa. O 3-4-3 predilecto de Rúben Amorim sofreu várias transformações e esta primeira exibição pública contra o Genk, com milhares de testemunhas, deixou algumas indicações do novo argumentário do treinador. Gonçalo Inácio é a peça mais exuberante do novo puzzle. Quando o Sporting tinha a bola, o canhoto intrometeu-se no meio-campo, juntando-se a Pedro Gonçalves e Hidemasa Morita. Sem bola, juntou-se a Sebastián Coates, empurrando Matheus Reis e o regressado Eduardo Quaresma para perto do cal. Ou seja, Amorim pediu um bloco defensivo em 4-4-2, com o bom do Francisco Trincão a morder à frente com Youssef Chermiti.

De resto, deram-se as dinâmicas já habituais, com o avançado a ser aqui e ali solicitado no espaço, o que será como algodão doce para o novo 9 nórdico que chegou do Coventry City. Com Afonso Moreira (uau, olá) e Marcus Edwards (discreto, discreto) a fazerem os corredores, ambos com o pé trocado, regista-se mais uma abanadela na ideologia de Amorim, que esta noite preferiu pensar realmente em desequilíbrios e associações chegadas de fora para dentro. Quem sabe estará já a planear como vai furar defesas recuadas no nosso campeonato.

O Sporting, que sofreu muitíssimo com o vaivém das pernas mais amadurecidas dos belgas, chegou cedo ao golo, por Francisco Trincão, depois de Morita lançar Chermiti. Pouco depois, uma saída de bola defeituosa entre Matheus Reis e Franco Israel, competente em quase todo o jogo, ofereceu o empate a Alieu Fadera. Os leões, demasiado permeáveis atrás, só tinham quatro jogadores no banco, o que prometia uma valente tareia para quase todos os futebolistas em campo com a camisola verde e branca. Daniel Bragança regressou, deixando a suspirar os que gostam daquele toque de bola, e também Jovane Cabral se mostrou, entrando pelo lesionado Quaresma.

Convém não levar a peito estas inovações todas, pois testes são testes, mas não deixa de ser interessante sentir que o treinador quer dar outras camadas e uma renovada densidade ao jogo da sua equipa. Em tempos, antes de um Sporting-City para a Liga dos Campeões, admitiu que Pep Guardiola estava noutro campeonato. Esta noite, fazendo de Inácio um John Stones, demonstrou que está aberto a aprender com os melhores.

Jota Silva desperta interesse do Panathinaikos

  1. Cláusula de rescisão de Jota Silva é de 20 milhões de euros
  2. Valor de mercado de Jota Silva é de 12 milhões de euros
  3. Jota Silva fez 15 golos e 7 assistências em 42 jogos na última época
  4. Jota Silva tem duas internacionalizações por Portugal

Gonçalo Inácio junta-se aos treinos do Sporting em Lagos

  1. Gonçalo Inácio, central de 22 anos, juntou-se ao plantel do Sporting em Lagos
  2. O grupo de trabalho dos leões no Algarve aumenta para 32 jogadores
  3. Rúben Amorim conta com Gonçalo Inácio para preparar a Supertaça frente ao FC Porto
  4. Gonçalo Inácio, formado no Sporting, tem sido uma referência da equipa

Extremo marroquino Couhaib Driouech troca Excelsior pelo PSV

  1. Extremo de 22 anos transferiu-se do Excelsior para o PSV por 3,5 milhões de euros
  2. Sporting também demonstrou interesse na contratação do jogador
  3. Jogador revelou que preferiu assinar pelos campeões neerlandeses
  4. Driouech fez toda a carreira nos Países Baixos, onde nasceu