Quem é o jogador que ficou para trás no FC Porto?

  1. Tomás Esteves teve poucas oportunidades na equipa principal do FC Porto e foi emprestado ao Pisa

Na época 2019/20, Tomás Esteves, um jovem talento da formação do FC Porto, teve poucas oportunidades na equipa principal. Mesmo após a conquista da Youth League, o jogador viu-se relegado para a terceira opção na lateral-direita, atrás de Wilson Manafá e Renzo Saravia. Na época seguinte, Tomás renovou contrato com o clube, mas novamente teve poucos minutos em campo. Em contrapartida, jogadores como Carraça e Nanu receberam mais tempo de jogo. A falta de oportunidades levou Tomás a ser emprestado ao Reading, enquanto Carraça e Nanu permaneceram no clube. Na temporada atual, Tomás regressou ao Porto, esperando finalmente ter mais minutos, mas as lesões e a concorrência mantiveram-no novamente na equipa B. Agora, o jogador foi emprestado ao Pisa, da Série B italiana, em busca de mais oportunidades de jogo.

Reforços em destaque no arranque da pré-época do Nacional e do Gil Vicente

  1. Tiago Margarido deu os primeiros minutos de competição a todos os jogadores disponíveis no plantel do Nacional, incluindo os dois novos reforços, Zé Vítor e Nigel Thomas
  2. O Nacional perdeu por 1-4 frente ao FC Porto na preparação, apesar de ter começado a vencer com um golo de José Gomes
  3. O Gil Vicente venceu por 3-0 a sua própria equipa de sub-23, com golos de Santi García, Jorge Aguirre e Kazu
  4. O Gil Vicente estreou-se nesta pré-época, enquanto o Nacional vai regressar à Liga, três anos depois, com uma visita ao Aves SAD

Juventus interessada na contratação de Francisco Conceição

  1. Cláusula de rescisão de Francisco Conceição sobe de 30 para 45 milhões de euros na próxima terça-feira
  2. Juventus está interessada na contratação de Francisco Conceição
  3. Tiago Santos, lateral do Lille, também no radar da Juventus
  4. Francisco Conceição marcou 8 golos e fez 6 assistências na última época