João Neves conquista respeito no balneário da seleção nacional em tempo recorde, diz Roberto Martínez

  1. João Neves conquistou o respeito do balneário da seleção nacional em apenas dois dias.
  2. Roberto Martínez ficou impressionado com a personalidade e maturidade do jovem médio do Benfica.
  3. O selecionador nacional elogiou a clareza e a busca por informações táticas de João Neves.
  4. João Neves poderia ter sido convocado anteriormente para a seleção principal, mas a decisão de esperar e dar-lhe uma oportunidade no Campeonato Europeu foi acertada.
  5. Na partida contra o FC Porto, João Neves foi eleito o homem do jogo.

Em uma entrevista ao Canal 11, Roberto Martínez revelou que ficou surpreso com a personalidade e maturidade de João Neves, destacando que nunca tinha visto um jogador ganhar o respeito do balneário tão rapidamente. O selecionador nacional elogiou a clareza e a busca por informações táticas do jogador, algo que nem sempre é comum em jogadores jovens.

"João Neves chega à seleção aos 19 anos e mostrou uma personalidade e maturidade que me surpreendeu muito. A melhor forma de medir um jogador é olhar para o balneário. Há coisas claras que um jogador ganha o respeito diretamente ou não ganha. E o João, aos 19 anos, nunca vi uma situação na minha carreira em que, em dois dias, ganhou o respeito do balneário. É marcante", afirmou Martínez.

O selecionador nacional também ressaltou que João Neves poderia ter sido convocado anteriormente para a seleção principal, mas a decisão de esperar e dar-lhe uma oportunidade no Campeonato Europeu foi acertada. O jogador marcou um gol e mostrou uma atitude que ajudou na sua evolução, tanto na seleção como no clube.

A ascensão de João Neves também foi destacada pelo técnico na partida contra o FC Porto, em que o jogador foi eleito o homem do jogo. No entanto, Martínez ressalta que agora o desafio será manter-se na lista de convocados, pois a competição é acirrada.

Reforços em destaque no arranque da pré-época do Nacional e do Gil Vicente

  1. Tiago Margarido deu os primeiros minutos de competição a todos os jogadores disponíveis no plantel do Nacional, incluindo os dois novos reforços, Zé Vítor e Nigel Thomas
  2. O Nacional perdeu por 1-4 frente ao FC Porto na preparação, apesar de ter começado a vencer com um golo de José Gomes
  3. O Gil Vicente venceu por 3-0 a sua própria equipa de sub-23, com golos de Santi García, Jorge Aguirre e Kazu
  4. O Gil Vicente estreou-se nesta pré-época, enquanto o Nacional vai regressar à Liga, três anos depois, com uma visita ao Aves SAD