Cláudio Ramos renova com o FC Porto até 2027

  1. Cláudio Ramos renova contrato com o FC Porto até 2027
  2. Guarda-redes de 32 anos estava em final de contrato
  3. Novo vínculo mantém jogador no Porto por mais 3 anos
  4. Cláudio Ramos já conquistou 5 títulos pelo FC Porto

Renovação até 2027


O FC Porto confirmou, na tarde desta terça-feira, a renovação de contrato com Cláudio Ramos, num novo vínculo válido até junho de 2027. O guarda-redes de 32 anos, que estava em final de contrato com os azuis e brancos, assina agora um acordo que o mantém ligado ao clube por mais três anos.

«É um sentimento de orgulho e de trabalho bem feito»


«É um sentimento de orgulho e de trabalho bem feito, pois estes três anos significam que os últimos quatro foram de um bom trabalho. Apesar de não ter jogado tanto como gostaria, sei que desempenhei um papel bastante importante na equipa e que fui importante nos títulos que conquistámos. Deixa-me muito feliz renovar por mais três anos com o FC Porto», afirmou Cláudio Ramos, aos meios oficiais do clube azul e branco.


O guarda-redes reforçou que a renovação com uma nova Direção e uma nova equipa técnica é «sinal de que confiam no meu trabalho e de que confiam em mim para o futuro do FC Porto. É muito importante para mim ter esse reconhecimento da parte deles.»

«Trabalho diariamente para ser titular»


Cláudio Ramos negou que esteja «acomodado» por ser o segundo guarda-redes da equipa: «Às vezes as pessoas podem pensar que estou acomodado em ser o segundo guarda-redes ou em desempenhar um papel secundário no FC Porto, mas é mentira, trabalho diariamente para ser titular e trabalho diariamente para ser o melhor guarda-redes possível. O meu empenho, a minha dedicação e o meu profissionalismo vão estar sempre presentes e aquilo que quero para a minha carreira é sempre o máximo possível: ser titular e lutar por títulos.»


O novo diretor-desportivo do FC Porto, Andoni Zubizarreta, também se pronunciou sobre a renovação de Cláudio Ramos. O antigo guarda-redes espanhol destacou que o português «dá-nos muita tranquilidade nessa posição» e que a sua experiência é importante «para orientar os mais jovens, mas também para competir pela posição.»


«O Cláudio Ramos é um exemplo para os mais jovens no dia a dia, nos treinos, mesmo quando não joga ao domingo. O facto de ele ser um jogador querido pelos adeptos demonstra que se adaptou bem ao clube, mas ele quer sempre mais e os adeptos percebem isso, pois a posição de guarda-redes não engana muito. Os adeptos do FC Porto sentem quem se vincula a esta camisola», vincou Zubizarreta.