FC Porto: urgência em encurtar distâncias para os rivais de Lisboa na formação

O Sporting, o Benfica e o FC Porto são conhecidos por reivindicar o estatuto de melhor formação em Portugal. Esta reputação é importante não só como rampa de lançamento para as respetivas equipas principais, mas também para ganhar títulos nos escalões de juniores, juvenis e iniciados.

No entanto, de acordo com um levantamento feito por A BOLA sobre as conquistas de troféus neste milénio, o FC Porto tem ficado atrás dos seus rivais de Lisboa. O Sporting lidera com 23 títulos, seguido do Benfica com 19, enquanto o FC Porto fica em último com apenas 15.

Vários fatores contribuem para esta menor eficácia dos dragões na formação. Um deles é a falta de uma infraestrutura que abrange todos os escalões no mesmo local, ao contrário do que acontece com o Sporting em Alcochete e com o Benfica no Seixal. Enquanto o Sporting e o Benfica têm as suas academias consolidadas, o FC Porto tem de utilizar várias instalações diferentes para treinar as suas equipas jovens.

Atualmente, apenas os sub-19 têm direito a frequentar as instalações do Centro de Treinos e Formação Desportiva PortoGaia, no Olival. Os restantes escalões etários treinam na Constituição ou nos campos do ISMAI, cujas instalações deixam muito a desejar em comparação com as dos rivais.

A falta de títulos na formação do FC Porto também é preocupante. O último título conquistado a nível interno foi em 2018/2019, quando a equipa de juniores venceu o Campeonato Nacional. Desde então, os dragões não conseguiram conquistar nenhum título nas camadas jovens, e a situação é ainda mais alarmante quando se considera que o último título de juvenis (sub-17) foi em 2011/2012 e o de iniciados (sub-15) foi em 2010/2011.

Para mudar este cenário, o presidente do FC Porto, Jorge Nuno Pinto da Costa, tem planos para construir uma nova academia na Maia. No entanto, o processo tem enfrentado obstáculos burocráticos na Câmara Municipal. Para tornar este sonho realidade, o clube vai precisar da ajuda de parceiros financeiros para financiar a obra, que ainda está apenas no papel.

Além disso, será necessário ajustar a política de recrutamento dos jogadores, melhorar o quadro de scouting e encontrar um coordenador com uma visão mais abrangente da formação. Acredita-se internamente que apenas com esta combinação de esforços o FC Porto poderá voltar a competir de forma igual com os seus rivais de Lisboa. Caso contrário, o clube arrisca-se a ganhar um título de vez em quando, em vez de estar consistentemente no topo.

FC Porto disposto a pagar 15 milhões por Mika Faye do Barcelona

  1. FC Porto disposto a pagar 15 milhões por Mika Faye
  2. Direcção do FC Porto liderada por André Villas-Boas
  3. Barcelona quer dar oportunidade ao novo treinador Hans-Dieter Flick para observar Mika Faye
  4. Barcelona prefere aguardar por outras ofertas apesar do valor do FC Porto ser considerado satisfatório

Francisco Conceição repete feito histórico do pai Sérgio Conceição na estreia de Portugal no Euro'2024

  1. Francisco Conceição marcou o golo da reviravolta (90+2') na vitória de Portugal sobre a República Checa (2-1) na estreia do Euro'2024
  2. Sérgio Conceição, pai de Francisco, também marcou na estreia de Portugal num Europeu, em 2000 (hat-trick vs Alemanha)
  3. Esta foi a segunda vez na história que um par de pai e filho marcaram num Campeonato da Europa de seleções
  4. Francisco Conceição entrou aos 90 minutos e marcou aos 92', dando uma 'cambalhota' no golo decisivo