Portugal enfrenta a Turquia com a passagem aos oitavos em vista

  1. Jogo entre Portugal e Turquia a 22 de junho
  2. Primeira vitória de Portugal no Euro 2024
  3. Diogo Jota marcou um golo anulado por fora de jogo de Cristiano Ronaldo
  4. Diogo Jota diz estar em boa forma física após lesões

A Seleção Nacional de Portugal prepara-se para enfrentar a Turquia no próximo dia 22 de junho, numa partida crucial para a qualificação aos oitavos de final do Euro 2024. Após a vitória na primeira jornada do Grupo F, os jogadores da Seleção das Quinas exibem um ambiente de forte união e confiança, conforme revelou o avançado Diogo Jota em conferência de imprensa.

«Noto que o grupo está mais unido, sentimos um apoio incrível desde que entrámos em campo. É sempre muito gratificante de ver e isso tem impacto nos jogadores», declarou Jota, destacando o espírito de grupo que tem pautado a preparação da equipa comandada por Roberto Martínez.

Vitória no último minuto mostrou capacidade de reação


O jogador do Liverpool comentou ainda a vitória apertada sobre a Chéquia, na primeira jornada: «Ganhar no último minuto é sempre uma sensação extraordinária, mas o facto de ter sido a primeira reviravolta na era Roberto Martínez mostra que também temos a capacidade de, quando as coisas não correm bem, darmos a volta ao jogo.»

Apesar de ter marcado um golo que foi posteriormente anulado por fora de jogo de Cristiano Ronaldo, Jota mantém-se positivo: «Infelizmente o meu golo não contou, poderia ter sido um momento decisivo, mas o mais importante é que conseguimos voltar a marcar e a vitória assentou-nos como uma luva.»

Diogo Jota pronto para contribuir


Após uma época marcada por lesões, o avançado da Seleção garante estar fisicamente preparado para ajudar a equipa: «Trabalhei desde a minha última lesão para estar na minha melhor forma física possível, claro que o treino não substitui a competição, mas sinto-me bem fisicamente, sinto-me capaz de começar um jogo.»

Jota não se comprometeu com a possibilidade de jogar os 90 ou 120 minutos, mas afirmou: «Não vou dizer que estou pronto para jogar 90 ou 120 minutos, mas estou bem fisicamente e isso é o mais importante.»