Dérbi de hóquei continua a dar que falar: 'Não nos deixaram ganhar'

  1. O treinador do Benfica, Nuno Resende, criticou a arbitragem após o dérbi de hóquei em patins contra o Sporting.
  2. Carlos Nicolia e Roberto di Benedetto, jogadores do Benfica, expressaram o seu desagrado com as decisões dos árbitros nas redes sociais.
  3. A polémica em torno da arbitragem tem gerado discussão entre os adeptos nas redes sociais.

O dérbi entre Sporting e Benfica no hóquei em patins é sempre um jogo emocionante, e o mais recente encontro não foi exceção. No entanto, além da emoção em campo, a contestação à arbitragem tem sido o tema principal de conversa.

Após o jogo, o treinador do Benfica, Nuno Resende, não escondeu a sua insatisfação com as decisões dos árbitros. Em declarações à imprensa, Resende afirmou: 'Quem ganha tem mérito, não tiro mérito a quem venceu, mas não nos deixaram ganhar, e isso é demasiado pesado quando estamos ao mais alto nível. Foram demasiadas situações em que os meus jogadores foram demasiado castigados. Houve faltas que teriam de ser marcadas a nosso favor e, se calhar, alguns cartões azuis teriam de ser de outra cor'. O treinador encarnado salientou a importância do rigor nas regras do jogo e lamentou as decisões que, na sua opinião, prejudicaram a sua equipa.

Além do treinador, também alguns jogadores do Benfica recorreram às redes sociais para expressar o seu descontentamento. Carlos Nicolia, autor de um dos golos da partida, partilhou no seu Instagram um vídeo do golo anulado ao Benfica nos segundos finais do jogo, acompanhado da mensagem 'Mais do mesmo. Faz-me lembrar algo (Alverca)'. Por sua vez, Roberto di Benedetto, autor de outro golo do Benfica, republicou um vídeo em que um jogador do Sporting acerta com o patim na sua cara, com a legenda 'Vale tudo'.

A polémica em torno da arbitragem neste dérbi de hóquei em patins tem gerado discussão entre os adeptos e tem sido amplamente debatida nas redes sociais. A contestação por parte do Benfica reflete a frustração pela derrota e pelas decisões que, na sua perspetiva, influenciaram o resultado final do jogo. Resta agora aguardar pela resposta das entidades responsáveis pela arbitragem e a análise mais detalhada do encontro.