André Villas-Boas candidata-se à presidência do FC Porto

  1. André Villas-Boas lançou oficialmente a sua candidatura à presidência do FC Porto.
  2. Villas-Boas pretende promover mudanças e construir um FC Porto ainda mais vitorioso e ético.
  3. Ele conquistou quatro competições pelo FC Porto durante o seu mandato como treinador principal.
  4. Villas-Boas é o técnico mais jovem a conquistar uma prova europeia e foi eleito treinador do ano em 2011.

André Villas-Boas, de 46 anos, lançou a sua candidatura à presidência do FC Porto durante a cerimónia de apresentação da lista 'Só há um Porto', realizada na Alfândega do Porto. O experiente treinador, que já passou pelo comando técnico do clube em 2010/11, conquistando quatro competições, acredita que é hora de uma nova fase na vida do FC Porto.

Villas-Boas expressou a sua gratidão ao atual presidente do clube, Jorge Nuno Pinto da Costa, mas enfatizou a necessidade de mudança. Ele afirmou: 'Estamos eternamente gratos a Jorge Nuno Pinto da Costa, mas é tempo de mudança. É tempo de o FC Porto se lançar para uma nova fase da sua vida. É tempo de construir um FC Porto ainda mais ganhador e assente nos mais elevados princípios de inovação, ética e transparência. Não podemos esperar mais. A mudança é agora'.

Ao longo da sua carreira, Villas-Boas também passou por clubes como Chelsea, Tottenham, Zenit São Petersburgo, Shanghai SIPG e Marselha. Ele é o técnico mais jovem a conquistar uma prova europeia e foi eleito treinador do ano em 2011.

Villas-Boas junta-se a Nuno Lobo, candidato derrotado nas eleições de 2020, na busca pelos órgãos sociais do FC Porto para o quadriénio de 2024-2028. A data exata das eleições ainda será marcada pelo presidente da Mesa da Assembleia Geral, José Lourenço Pinto.

Os desafios que o FC Porto enfrenta atualmente exigem trabalho, profissionalismo, dedicação e transparência, segundo Villas-Boas. Ele prometeu corresponder às expectativas dos adeptos: 'Sendo o FC Porto o clube do meu coração, é minha obrigação estar disponível para este momento de transformação. Conheci-o como adepto, sócio, técnico das camadas jovens, observador e, finalmente, como treinador da equipa principal de futebol. Estou consciente dos desafios que o FC Porto hoje enfrenta. Exigem trabalho, profissionalismo, dedicação e transparência para corresponder à vossa exigência'.

A candidatura de André Villas-Boas traz consigo a esperança de um novo capítulo para o FC Porto, que busca reconstruir e fortalecer a sua identidade e sucesso no futebol nacional e internacional.

Iván Jaime elogia desempenho do FC Porto na pré-época

  1. Iván Jaime elogia desempenho do FC Porto na pré-época
  2. Vitória do FC Porto por 2-0 frente ao Sturm Graz
  3. Jogador considera que equipa está «apta e pronta para qualquer desafio»
  4. Médio diz não estar preocupado com a falta de golos: «Os golos não me preocupam, vão chegar muitos»