Alan Varela em risco de não se juntar ao FC Porto

  1. Alan Varela em risco de transferência devido a impasses nas negociações com o Boca Juniors
  2. FC Porto pode ter que procurar outra alternativa para colmatar a saída de Matheus Uribe

O presidente do Boca Juniors, Juan Román Riquelme, tem apresentado exigências sucessivas à SAD do FC Porto, o que tem atrasado a transferência de Alan Varela. Apesar de se ter chegado a um acordo quanto aos valores da transferência, o clube argentino agora pede garantias bancárias e exige que o FC Porto pague uma tranche de três milhões de euros à cabeça. Este impasse tem mantido o jogador à espera e está a levar a um extremar de posições entre as partes envolvidas.

Apesar de Alan Varela ter tentado persuadir os responsáveis do Boca Juniors a libertá-lo, o impasse permanece. O treinador Jorge Almirón até colocou o médio na equipa titular para o jogo com o Independiente, sinalizando que conta com o jogador. Esta situação vai contra as intenções da SAD do FC Porto, que pretendia que Alan Varela se juntasse o mais rapidamente possível à equipa e se entrosasse com os colegas.

Caso não se chegue a um entendimento nas próximas horas, o FC Porto pode ver-se obrigado a procurar uma segunda alternativa para colmatar a saída de Matheus Uribe. Embora ainda haja esperança de que um acordo seja alcançado, a transferência de Alan Varela pode estar em risco, o que seria uma desilusão para o clube português.

Enquanto isso, Nico González continua à espera que uma questão burocrática entre o Barcelona e o FC Porto seja resolvida para que possa ser oficialmente apresentado como reforço da equipa. Espera-se que essa situação seja resolvida antes do jogo de apresentação contra o Rayo Vallecano, no sábado.

Iván Jaime elogia desempenho do FC Porto na pré-época

  1. Iván Jaime elogia desempenho do FC Porto na pré-época
  2. Vitória do FC Porto por 2-0 frente ao Sturm Graz
  3. Jogador considera que equipa está «apta e pronta para qualquer desafio»
  4. Médio diz não estar preocupado com a falta de golos: «Os golos não me preocupam, vão chegar muitos»