João Neves: «O meu objectivo é dar sempre o máximo pelo Benfica»

  1. O Benfica venceu o FC Porto por 2-0, conquistando a Supertaça.
  2. João Neves enalteceu a sua devoção ao Benfica, afirmando que dá a vida pelo clube.
  3. Neves também elogiou o colega de equipa Di María, descrevendo-o como um «excelente jogador».
  4. O médio do Benfica preconizou uma abordagem cautelosa à temporada, declarando que «No campeonato as contas só se fazem no final, é jogo a jogo».

João Neves, médio de destaque do Benfica, fez uma forte declaração após a vitória de 2-0 do seu clube sobre o FC Porto. As suas palavras refletem a sua atitude empenhada e a sua paixão pelo Benfica, o clube que tem defendido com afinco.

«É sempre bom ganhar. Somos uma equipa forte e voltaremos a jogar na segunda-feira com o objectivo de voltar a vencer. Por agora, queremos aproveitar este momento e celebrar », disse Neves, radiante com a vitória que valeu a conquista da Supertaça.

Quando questionado sobre se o Benfica se sente mais forte que o FC Porto neste início de época, Neves respondeu cautelosamente: «O que indica é que hoje fomos a equipa mais forte. No campeonato as contas só se fazem no final, é jogo a jogo ». Uma abordagem prudente a uma longa temporada que está apenas a começar.

Neves também falou sobre a influência de Di María na equipa: «É um excelente jogador, ajuda como qualquer outro e estamos agradecidos.»

Mas mais do que a sua avaliação da partida ou das habilidades dos seus colegas de equipa, a resposta mais poderosa de Neves veio quando questionado sobre a sua própria prestação. «O meu objetivo é dar o máximo dentro de campo, por isso se joguei bem ou mal a mim não me interessa, dei a vida pelo Benfica ». Palavras que sem dúvida ecoarão no coração de todos os adeptos benfiquistas, reafirmando a devoção completa de Neves ao clube.

Quando os clubes fecham as portas aos jornalistas

  1. 6 milhões de benfiquistas estimados no mundo
  2. Entre 4 a 5 mil sócios participaram nas assembleias gerais do Benfica
  3. O crescimento dos meios próprios de informação e o medo cénico dos atores face ao jornalismo fecharam as portas a jornalistas
  4. Os dirigentes culpam os jornalistas por ataques, quando são eles os culpados

Movimento Servir o Benfica reage a Assembleias Gerais do clube

  1. Movimento Servir o Benfica reagiu a Assembleias Gerais do clube
  2. Assembleia Geral Extraordinária para discutir alterações aos estatutos
  3. Rui Costa criticado por estar 'isolado' e sem capacidade de projetar futuro do Benfica
  4. Francisco Benítez, do movimento Servir o Benfica, não tomou a palavra nas reuniões