Di María e a mulher recordam a sua chegada a Lisboa em 2009

  1. Angel Di María chegou ao Benfica em 2009 e desde então tem mostrado felicidade tanto dentro como fora dos relvados
  2. Ojogador e a sua mulher partilharam uma foto em frente à sua antiga casa em Lisboa, relembrando o seu passado no clube e na cidade

O casal Di María recentemente partilhou uma foto nas redes sociais, onde se encontram em frente à casa que habitaram em Lisboa em 2009. A foto traz à tona memórias da chegada do jogador argentino ao Benfica e à cidade de Lisboa. Na altura, Di María, conhecido como 'angelito', deixou a Argentina e entrou no futebol europeu através das portas do clube português. Desde então, o jogador tem mostrado sinais de felicidade tanto dentro como fora dos relvados, o que convenceu Di María e a sua família a aceitar a oferta do Benfica. A foto partilhada nas redes sociais é um testemunho do estado de espírito positivo do jogador e da sua mulher em relação à sua estadia em Lisboa e ao clube português. O Benfica tem sido uma casa acolhedora para Di María desde a sua chegada, e o jogador tem desfrutado tanto do clube como da cidade. A casa que o casal habitava em 2009 é agora um local repleto de memórias e significado para Di María, uma vez que marca o início da sua jornada no futebol europeu e a sua relação com o Benfica. A foto partilhada nas redes sociais é uma forma de Di María e a sua mulher relembrarem e celebrarem o seu passado em Lisboa e a sua ligação com o clube. O jogador argentino tem mostrado o seu apreço pela cidade e pelo clube, e a sua felicidade tem sido evidente. Os fãs do Benfica certamente apreciarão esta demonstração de amor e gratidão de um dos seus ídolos.

Zahovic regressa às origens para ver o FC Porto

  1. Zahovic representou o FC Porto entre 1996 e 1999
  2. Zahovic afirmou que o FC Porto tem as pessoas certas nos lugares certos e vai continuar a ser um grande clube de sucesso
  3. Zahovic considera o Sporting, Benfica e FC Porto os principais candidatos ao título na próxima época
  4. Zahovic acompanhou o jogo entre Portugal e Eslovénia com o 'coração dividido' por ter jogado 12 anos em Portugal